14 coisas que o smartphone já consegue substituir

Prepare-se para cair na nostalgia e se surpreender com a quantidade de coisas que já podemos carregar no bolso

Os smartphones de hoje em dia concentram tantas funcionalidades que fica até difícil saber quantas temos disponíveis. Apesar de muito natural, os recursos desses aparelhos já substituem muitos objetos que até pouco tempo atrás faziam parte da nossa vida. Prepare-se para cair na nostalgia e se surpreender com a quantidade de coisas que seu celular faz.

Leia mais: 4 apps para fotografar melhor com o celular

1)    Orelhões (telefones públicos)

orelhão
 

Durante décadas os orelhões eram a única opção de comunicação telefônica de famílias inteiras até a privatização das estatais. Era por ele que se falava com o crush e combinava aquele encontro.

2)    Calculadora

caculadora de bolso
 

Não existe um único celular que não tenha uma calculadora. Tem gente que não abre mão das calculadoras de pilhas, mas com certeza, seu uso diminui bastante depois da chegada dos celulares.

3)    Relógios

relógio de pulso digital
 

Usar relógio hoje em dia é uma questão de status e preferência pessoal, porque se é para conferir a hora, basta olhar rapidamente a tela do celular, que, inclusive, pode mostrar até o fuso-horário de outros países.

4)    Despertador

 

E o despertador? A cena era cotidiana. No horário pré-definido o alarme tocava para te despertar e iniciar mais um dia. Com a evolução, aquele despertador grandalhão e analógico foi substituído por elegantes dispositivos digitais com rádio. Ser acordado ainda é irritante, mas agora você tem a opção de escolher sua música favorita nesse momento tão desagradável.

5)    Bloco de anotações e agenda telefônica

 

O uso de smartphones, tablets e pcs aposentaram aquele bloquinho que se usava para anotar um número de telefone ou endereço. Hoje, marcamos tudo no celular, não é mesmo?

6)    Jornais e Revistas

Outro hábito que mudou com tanta tecnologia foi o consumo da informação. O que não faltam são aplicativos para acompanhar os principais veículos do mundo. Isso sem falar das redes sociais.

7)    Câmeras fotográficas

câmera fotografica portátil
 

Hoje, carregar uma câmera digital é dispensável. Além dos smartphones contarem com câmeras cada vez melhores, é mais funcional e ágil na hora de guardar ou compartilhar as fotos.

8)    Gravador de voz

Gravador de voz em uma mão
O gravador de pilha obrigava a gastar muito dinheiro com pequenas fitas K7. Hoje em dia, todos os smartphones já oferecem a função, com a facilidade de salvar o áudio em arquivos digitais como MP3 e WAV.

9)    Cronômetros

Cronômetro
 

Muito usado por quem pratica esportes e atividades físicas, o objeto que ficava preso ao pulso ou pescoço por meio de um cordão quase já não é usado. Provavelmente, você ainda veja um preparador físico usar um desses ao treinar atletas, e só!

10)    Mapas impressos

 

Os mapas impressos destacam pontos turísticos, roteiros da gastronomia e vida cultural local, mas, você não precisa mais deles para consultar estas informações, o celular dá conta de todas elas.

11)    Rádio portátil

 

Com a popularização dos celulares, o aparelhinho que se alimentava com pilhas está quase extinto do mercado.

12)    Discman e MP3 Players

O Discman desapareceu do mercado com a consolidação dos players que aceitam MP3 e outras extensões de arquivo. Mas com celulares com capacidade de armazenamento cada vez maior, ter um iPod e similares virou uma questão de gosto.

13)     Cartas

cartas envelope
 

Era um carinho no coração saber que alguém gastou seu tempo para escrever uma mensagem e enviar pelo correio. Mas a praticidade do email, SMS, Whats App e redução no custo das ligações tornou o hábito uma cena limitada as novelas de época.

14)    Álbuns de fotografia

 

Quem imprime foto? É triste, mas a verdade é que agora podemos visualizar as imagens no computador, na tv, tablet, smartphone ou na câmera e essa facilidade excluiu o filme das nossas vidas,

* artigo escrito originalmente em 2 de abril de 2014