marvin

Morre Marvin Minsky, o criador da inteligência artificial

As contribuições desse cientistas influenciaram diversas tecnologias que utilizamos até hoje. Quer saber mais?

Neste último domingo, morreu um dos mais importantes nomes da história da tecnologia: Marvin Minsky. O pesquisador, cientista e professor de ciência da computação do MIT é o responsável pelas primeiras noções de inteligência artificial como a conhecemos hoje. Na década de 50, o norte-americano desenvolveu diversos projetos que contribuíram para a criação de tecnologias vitais como os computadores modernos e a internet.

O legado

Ao desenvolver a primeira mão robótica capaz de manusear objetos, Minsky instituiu um conceito que serviu de inspiração para diversos cientistas do mundo todo: a inteligência artificial. Segundo ele, não existia praticamente nenhuma diferença na forma como o cérebro humano pensa e um computador é capaz de pensar. Tudo não passava de uma mera questão de capacidade técnica.

Além de equiparar a inteligência humana com a artificial, Marvin Minsky ainda defendeu que as máquinas poderiam superar os humanos. Seus estudos inspiraram diversos artistas modernos que utilizaram essa relação entre homem e computador em suas obras. O mais famoso deles é o diretor Stanley Kubrick, que consultou o cientista para compor melhor o universo do filme “2001: Uma Odisséia no Espaço”.

Minsky no nosso cotidiano

Diversas tecnologias que utilizamos diariamente foram influenciadas pelo trabalho de Marvin Minsky. O cientista defendeu o compartilhamento das informações digitais gratuitamente entre as pessoas, plantando a semente do projeto que mais tarde resultaria na internet.

Já na área da inteligência artificial, podemos perceber a sua contribuição no nosso dia a dia. A existência dos assistentes pessoais é a prova mais notável da influência de Minsky. De Google Now, Cortana e Siri até o próprio PSafe Total 3.0, o conceito de que um computador irá pensar por conta própria, avaliar as necessidades do usuário e agir por conta própria para facilitar a sua vida só é possível graças aos estudos do cientista.