dfndr-security

DFNDR Security lança função que detecta links perigosos dentro de outros aplicativos

A função de anti-hacking do DFNDR Security avisa ao usuário - em tempo real - se um link é perigoso e antes mesmo do primeiro toque

Somente no terceiro trimestre deste ano, o laboratório de segurança DFNDR Lab detectou mais de 21 milhões de golpes de phishing via aplicativo de mensagens, ficando em segundo lugar no ranking dos ataques mais utilizados por hackers. Diante desse cenário, o DFNDR Security acaba de lançar a primeira função anti-hacking do mercado capaz de proteger os usuários de links perigosos dentro do WhatsApp, Messenger e SMS. A função já está disponível para ativação dos usuários do DFDNR Security.

O número de ataques que envolvem compartilhamento de links maliciosos via aplicativos de mensagens cresceu 930% no último trimestre deste ano quando comparado ao período anterior. “Hackers estão criando cada vez mais armadilhas para usuários de WhatsApp, Messenger ou mensagens SMS porque a propagação de um golpe através desses meios é muito rápida e fácil”, explica Emilio Simoni, Diretor do DFNDR Lab.

“Os ataques mudaram e nós estamos fazendo o produto evoluir para continuar garantindo a segurança aos nossos usuários”, explica Horácio Soares, Gerente dos produtos DFNDR.

Veja como funciona a função Bloqueio de Hackers (anti-hacking) do DFNDR Security

A ferramenta permite que o usuário saiba se um link é perigoso antes mesmo de tocá-lo. Assim, toda vez que ele receber uma mensagem no WhatsApp, Messenger ou SMS com link para uma página falsa ou com vírus, o DFNDR Security enviará um alerta de segurança.

dfndr-security

O Bloqueio de Hackers também é capaz de identificar e bloquear notícias falsas, perfis falsos em redes sociais, além de sites que podem registrar o usuário em serviços de SMS pago.

Leia mais: DFNDR Lab revela se um link é seguro em poucos segundos

Proteção em dose dupla

Além de contar com o DFNDR Security para se proteger de links perigosos recebidos por apps de mensagem, qualquer pessoa pode checar – gratuitamente e em poucos segundos – se um link é seguro no site do DFNDR Lab.