app_violência

Aplicativo brasileiro ajuda mulher a se proteger contra violência

App envia mensagem de socorro para cinco contatos de emergência em situações de perigo. Objetivo é diminuir a violência contra a mulher e foi desenvolvido por duas ONGs brasileiras. Leia mais!

Mesmo com a Lei Maria da Penha, os casos de violências doméstica e violência contra a mulher de forma geral são ainda extremamente significativos. Só no Brasil, 43,5 mil mulheres foram assassinadas na última década. E, em muitos casos, o agressor está mais próximo do que as pessoas imaginam: dentro de casa.

Para combater a violência doméstica e manter afastados os maridos violentos com restrições judiciais, as ONGs Themis e Geledés desenvolveram um aplicativo para socorrer as mulheres. O PLP 2.0 permite que você avise cinco contatos de segurança se estiver em situação de risco ou perigo. Ele identifica quatro toques no botão de ligar do celular e dispara um alarme que envia mensagens de texto (SMS) para seus números de emergência.

A usuária precisa apenas configurar as suas informações no app, ativar seu alarme e seguir a vida normalmente. Em situações de perigo, o PLP 2.0 ainda pode registrar o ocorrido por áudio vídeo através da câmera. Depois, essas imagens poderão ser usadas em tribunais e em demais situações que garantam a segurança da vítima.

O PLP 2.0 está disponível apenas para Android, com previsão de receber uma versão para iOS sem data definida. Gostou da iniciativa? Deixe sua opinião nos comentários!