rp_cinema-tres-telas_2014-10-28.jpg

Como será o cinema no futuro? Com três telas, claro!

Empresa Belga apresenta sala de cinema com três telas voltadas a imersão do público no filme.

Com a pirataria forte e o maior acesso aos serviços de banda larga, a indústria cinematográfica passou a se questionar o que deveria fazer para não perder o público nas salas de cinema. A solução? Oferecer uma experiência que vai além da pipoca, tela grande e poltrona reclinável.  Assim, o cinema 3D ganhou força, a tecnologia IMAX invade milhares de salas e por fim, o 4D que divide opiniões. Mas qual será o próximo passo da indústria para atrair ainda mais o público? Simples, três telas!

A Barco (Belgian-American Radio Corporation .Ltda) é uma empresa de tecnologia que está apresentando na feira ShowEast, em Miami, um novo conceito de projeção cinematográfica capaz de aumentar a imersão do espectador.

“Queremos criar uma nova era no entretenimento de cinema, trazendo carisma e senso de comunidade de volta às salas de exibição”, explica Todd Hoddick, vice-presidente de Entretenimento Global da Barco.

A tecnologia já está em aplicação em pelo menos 20 salas ao redor mundo, incluindo, em cinemas conceitos da rede Cinemark e salas na China. A tela de três lados é capaz de reproduzir conteúdo em 4K a 60 fps e filmes em 3D, por meio de um sistema totalmente integrado com fontes de laser unificadas no projetor.