Construção do drone do Facebook está finalizada

Facebook anuncia que construção do drone que levará conexão a lugares desprovidos de internet é finalizado.

Com envergadura de um Boeing 737, a aeronave promete levar internet a lugares sem estrutura de telecomunicações, podendo ficar no ar por três meses com altitude de 18km a 27km. Batizado de Aquila, o drone foi desenhado por uma equipe do “Connectivity Lab”, área voltada para desenvolver a plataforma do internet.org, presente no Reino Unido.

Quando ouvimos a palavra drone, é normal imaginar quadricópteros que são usados para aeromodelismo ou fins comerciais, só que essa não é a função do Aquila. Esse modelo é uma aeronave não tripulada “com envergadura de um Boeing 737″, segundo Zuckerberg. Além de pesar menos que um carro, é feito com fibras de Carbono e movido a energia solar.

Além do drone, o laboratório do Facebook na Califórnia vinha desenvolvendo a possibilidade de transmissão de dados via lasers com o objetivo de garantir conexão. O vice-presidente de engenharia e infraestrutura Jay Parikh afirmou que os testes realizados no laboratório foram satisfatórios.

Parikh explica que pelo laser, eles conseguem transmitir dados a 10 Gbps – velocidade 10 vezes maior que o alcançado pela indústria hoje. Tem um diâmetro de uma moeda de 10 centavos e um alcance de até 16km. O presidente afirma que estão sendo feitos testes em condições reais e, após isso, o sistema de comunicação via laser poderá ser usado para conectar as aeronaves entre elas e com o chão, tornando possível criar uma rede estratosférica que pode se estender até as regiões mais remotas do mundo. Leia sobre o primeiro teste do drone.