rp_e-mail-seguro_2015-01-28-19-06-06.jpg

Dicas para manter sua conta de e-mail segura

Hoje é difícil encontrar uma função profissional que não utilize os e-mails. Veja o que fazer para manter sua conta segura.

Os e-mails fazem parte da nossa vida, e hoje é difícil encontrar uma função profissional que não utilize o correio eletrônico em algum momento. Ele também é exigido para fazer cadastros; é imprescindível para estar no currículo como uma forma de contato, entre muitas outras ocasiões. Portanto, é um prato cheio para criminosos que se aproveitam de falhas em segurança para roubar dados, e dá uma enorme dor de cabeça para a vítima.

 

E para você não entrar nessa estatística, é preciso tomar alguns cuidados simples, que lhe manterão longe dos olhares de hackers. Veja o que fazer para manter sua conta segura.

Antes de entrarmos nas dicas propriamente ditas, certifique-se de tomar as seguintes atitudes:

– Use uma senha longa, forte e única, que não seja utilizada em qualquer outro lugar;

– Ative a verificação em duas etapas;

– Olhe para o histórico da conta e os itens enviados para ver se alguém, além de você, teve acesso à sua conta recentemente;

– Exclua qualquer e-mail que você não precisa mais, especialmente aqueles que podem conter dados sensíveis, como senhas antigas ou informações financeiras.

Veja também: Os riscos das contas de e-mails gratuitas.

Cuidados logo ao abrir a mensagem

Agora que você fez o básico de segurança em e-mail, é preciso ficar ligado nas artimanhas dos criminosos. Sempre que abrir uma mensagem, note se eles lhe chamam pelo seu nome. Mensagens de empresas oficiais ou de pessoas que te conheçam certamente virão com seu nome.

Os falsos costumam usar apresentações, como “Prezado cliente”, “Amigo sortudo”, “Cliente especial”, e por aí vai. Evite abrir ou clicar em qualquer anexo ou link que lhe enviarem. Claro que existem exceções. Por isso, se tiver dúvida, entre em contato com a empresa ou pessoa para ter certeza que é confiável. 

Os erros de português também são muito comuns em e-mails falsos. Se o texto possuir uma quantidade excessiva de erros, desconfie, pois pode ser um golpe.

Anexos e links são as maiores armadilhas

Todas as vezes que chegar um e-mail de quem você não está acostumado, e que tenha anexos e links, cuidado redobrado! O ideal é colocar o antivírus em ação para fazer uma varredura completa nos arquivos. O PSafe Total oferece essa opção para os computadores, e o PSafe Total Android atua nos dispositivos móveis.

Em relação aos links, empresas costumam deixar o endereço de suas respectivas páginas oficiais na internet. Muito cuidado, pois os golpistas tendem a utilizar um endereço parecido, porém com leves alterações no site verdadeiro. Por exemplo, o Facebook possui a seguinte URL: https://www.facebook.com/. Um link malicioso pode ter o seguinte formato, que às vezes passa de maneira imperceptível: https://www.facebook.outrosite.com.br.

Informações sensíveis

Os hackers também usam outro método para roubar seus dados, por meio de solicitação de senhas e outras informações sensíveis. Para isso eles se passam por bancos ou empresas prestadoras de serviços. Muitas vezes, a desculpa é uma “atualização de cadastro”.  Quando isso acontecer, ligue para a empresa em questão e veja se realmente lhe pediram uma atualização. Nunca dê tais informações sem ter certeza.