rp_cloud-computer_2014-07-23.jpg

5 dicas para proteger seus arquivos na nuvem

A PSafe selecionou cinco dicas para você proteger melhor seus arquivos armazenados em serviços como Dorpbox e Google Drive.

 

Provavelmente você escutou falar da “nuvem", ou "armazenamento na nuvem." O armazenamento na nuvem é um serviço que lhe permite armazenar seus arquivos do computador em múltiplos servidores. Com isso, você pode acessá-los em qualquer outro dispositivo com acesso a internet.

Bom, desta forma pode abrir seus arquivos em qualquer dispositivo que tenha acesso a internet. Por esta razão, os serviços na nuvem ganham cada vez mais popularidade, por disponibilizar um backup mais seguro e eficaz. Outro exemplo é o Google Drive, que já está substituindo processadores de texto tradicionais como Microsoft Word.

No entanto, os serviços na nuvem proporcionam uma forma fácil de fazer uma cópia de segurança da informação, mas não são perfeitos e podem deixar sua informação em risco se você não for cuidadoso. Por isso, selecionamos cinco dicas que vão te ajudar a obter mais segurança em serviços de armazenamento como o Google Drive, Dropbox e Box.

 

1 – Utilize uma boa senha

As senhas foram desenvolvidas como para manter nossa informação a salvo daqueles que queiram acessá-las. Senhas são como fechaduras: quanto mais forte a fechadura, mais difícil é conseguir passar pela porta. No entanto, muita gente escolhe senhas fáceis o que facilita golpes virtuais.

As melhores senhas combinam letras, números e símbolos de uma forma incomum. Não escolha a opção fácil e coloque maiúscula na primeira letra da palavra, use o número "3" em lugar da letra "E" ou um zero em lugar da letra "o". Utilize alguns números ou caracteres aleatórios, como o símbolo numeral (#) ou o símbolo (&), e sua informação estará muito mais segura.

Aqui no Blog PSafe já selecionamos dicas de como fazer uma senha segura.

 

Não reciclar as senhas

Muitas pessoas não só usam senhas simples, mas também tendem a usar a mesma senha para muitos sites e serviços. Isto não é um bom costume. Se um hacker entrasse em uma conta, todas suas outras contas também seriam vulneráveis.

Use senhas diferentes e fortes. Seja nas redes sociais, e-mail ou serviços de nuvem.

 

3 – Use um Software de gestão de senhas

Alguns programas inteligentes como LastPass guarda todas suas senhas únicas em um fichário eletrônico, que só uma "senha mestre" para abrir tudo.  Com esse software, os navegadores vão lembrar as senhas para você, mas os programas de gestão de senhas podem fazer que sua informação esteja disponível em qualquer computador ou navegador de internet.

 

4 – Navegue com cuidado

Não utilize sites que parecem suspeitos. Fazer uma busca no Google para ver o histórico de segurança da página Web ou veja se sua história indica comportamento malintencionado. Alternativamente, use um antivírus com proteção de navegação, como PSafe Total.

Além disso, tome cuidado com que computador usou para "iniciar sessão". Se ingressar em seu correio eletrônico utilizando um computador público e se esquece de fechar a sessão, quem utiliza o computador depois poderia obter acesso a sua conta.

Se não estiver usando seu próprio computador, lembre-se de fechar a sessão. Além disso, nunca guarde sua informação de usuário e senha em um computador público.

 

5 – Faça uma cópia de segurança de tudo

Fazer uma cópia de segurança de seus dados é extremamente importante. A razão disto é óbvia, e mesmo assim muita gente não faz. Tudo o que há no disco rígido pode ver-se afetado por um acidente, uma subida de tensão ou uma falha inesperada do sistema que apaga seus arquivos sem prévio aviso. Se isto acontecer e seus dados não estão respaldados, pode ser muito frustrante perder seus arquivos e dados que provavelmente vinham de muitas horas de trabalho.

No passado, fazer a cópia de segurança de seus arquivos tomava muito tempo e esforço. Agora é fácil e pode fazer-se com um disco rígido externo ou on-line. A melhor forma de fazer backup de seus dados é utilizar vários métodos.