Ele está de volta! Justiça libera WhatsApp

Depois de ficar mais de 24 horas fora do ar, aplicativo começa a voltar para todos os usuários

WhatsApp conseguiu derrubar o bloqueio do aplicativo determinado pelo Tribunal de Justiça de Sergipe (TJSE). A decisão saiu no início da tarde desta terça-feira, 03, depois de a empresa pedir a reconsideração da decisão do desembargador plantonista Cezário Siqueira Neto que, durante a madrugada, negou o recurso e manteve o app bloqueado.

Quase uma novela
O WhatsApp foi bloqueado às 14 horas de segunda-feira. A  determinação judicial previa que o bloqueio durasse 72 horas como represália ao aplicativo que afirmou não conseguir atender o pedido de quebra de sigilo de mensagens e colaborar, assim, com as investigações da justiça sobre tráfico de drogas no município de Lagarto, em Sergipe.

Leia mais: 10 coisas sobre a barra que é encarar a vida sem WhatsApp

No fim da tarde desta segunda, o escritório Trench, Rossi & Watanabe pediu o cancelamento do bloqueio sob o argumento da questão da proporcionalidade, já que a medida afeta milhões de usuários enquanto que os criminosos investigados são apenas alguns.

Segundo bloqueio
Esta é a segunda vez que um tribunal decide pela suspensão do acesso ao app no Brasil.

Em dezembro de 2015, a justiça de São Paulo determinou que o WhatsApp ficasse 48h inativo em punição ao serviço de bate-papo que havia se recusado a colaborar com uma outra investigação criminal.