rp_kernel-windows_2014-04-30.gif

Falha no Kernel do Windows expõe usuários a riscos de invasão

Com isso, as máquinas modificadas poderiam sofrer novos ataques que as transformassem em computadores zumbis ou expondo informações do usuário.

Descoberta no ano passado, falha é responsável por graves problemas de segurança no sistema operacional hoje. A vulnerabilidade permite que hackers ultrapassem rapidamente as barreiras de segurança do Windows, deixando computadores indefesos contra novas invasões.

Atualmente, nenhum pacote de segurança, como antivírus e firewalls, é capaz de oferecer proteção ao usuário, já que as diversas camadas desse tipo de solução são ineficazes, tendo sido a vulnerabilidade batizada de LOL (Layer on Layer). Após cruzar estas barreiras, hackers seriam capazes de desligar toda a segurança do sistema, alterando parâmetros, sem que pudessem ser notados.

Com isso, as máquinas modificadas poderiam sofrer novos ataques que as transformassem em computadores zumbis ou permitindo a gente mal intencionada roubar dados.

A falha, inicialmente, foi ignorada pela Microsoft, confiando justamente nas camadas de proteção do sistema, mas o acontecido parece indicar que mesmo problemas aparentemente brandos podem ser modificados e representar graves ameaças. Falhas do Kernel do Windows serão estudadas já que se desconfia que seus milhões de linhas de código ainda possuem diversas outras vulnerabilidades do tipo.