rp_google-criptografia_2014-10-02.jpg

Google passará a criptografar dados no Android

Malwares brasileiros que utilizam AutoIt para mascarar atividade maliciosa são detectados pelo laboratório de análise da PSafe Tecnologia

Mesmo assim é importante manter APP de segurança instalado no celular, entenda por que

Nova política do Google irá criptografar dados telefônicos de usuários Android por padrão, mas não elimina necessidade de proteção adicional a APPs, redes sociais e fotos, já que nem todas as versões do sistema operacional contarão com a possibilidade e a criptografia acontecerá somente em arquivos salvos no telefone.

O Google anunciou que a partir da próxima versão do seu sistema operacional Android, os dados dos usuários serão criptografados por padrão, aumentando a sensação de segurança móvel dos usuários de smartphones, que contariam com uma senha de acesso.

Smartphones e tablets com Android L já possuem a opção, que não vem habilitada. Já a atualização trará a novidade a todos os usuários. O objetivo é proteger o cidadão e impedir que as empresas, como Google e Apple, além de vender as informações dos usuários, colaborem com bisbilhotagem de governos, ampliando a sensação de confiança com o consumidor.

Arquivos do Hangouts e guardados na nuvem não contarão com o recurso. Por isso, além de contar com a mãozinha da empresa, você deve instalar o PSafe Total no seu Android para proteger suas principais informações no celular, na nuvem e, ainda, permitir a gestão remota do aparelho para apagar os dados, por exemplo, impedindo que o ladrão ou curioso possa tentar descobrir o código e ter acesso aos seus arquivos.