rp_vulnerabilidade-microsoft_2014-06-30.jpg

Microsoft – Sobre atualizações e vulnerabilidades do sistema

Se você utiliza o sistema Windows, da Microsoft, te ensinamos como se proteger de possíveis vulnerabilidades no seu PC.

A Microsoft, de tempos em tempos, lança atualizações para seus produtos, que podem ser acessados por meio de downloads na internet. Essas atualizações funcionam como ‘remendos’ a vulnerabilidades que abrem brechas para que hackers se aproveitem e invadam o sistema.

O sistema operacional Windows, que hoje é utilizado por milhares de pessoas ao redor do mundo, é o principal alvo dos piratas da internet. O rótulo ganhou destaque após a própria Microsoft emitir alerta de segurança que expõe falha na segurança do navegador do sistema operacional Windows.

A vulnerabilidade acontece nas versões 6, 7, 8, 9, 10 e 11 do Internet Explorer, permite que hackers invadam o sistema e, remotamente, instalem softwares maliciosos. A Microsoft explica ainda que a falha permite que o navegador acesse locais na memória do computador que já tenham sido apagados, ou ainda os que não foram alocados adequadamente.

Vulnerabilidades dos softwares da Microsoft preocupam

Assim é possível corromper a memória do computador de forma que permite ao hacker atacar o sistema e instalar o código malicioso enquanto o usuário acessa determinada URL. 

Acontece que as atualizações disponibilizadas são feitas por meio de updates automáticos, que fazem com que o usuário sequer perceba qualquer anormalidade no seu equipamento.

A forma de se proteger é ter em seu computador um software antivírus que realize a proteção 24 horas, navegando ou não. O PSafe Total reúne em sua plataforma as melhores e mais seguras formas de proteger seus usuários de ataques de hackers.

O PSafe Total impede que códigos maliciosos sejam instalados , uma vez que ele substitui e repara alguns  defeitos nos programas, impedindo que este tipo de vulnerabilidade seja uma porta de entrada para o sistema. E não é só isso, o software acelera a inicialização do seu equipamento, excluindo arquivos temporários que podem causar o travamento do sistema e sobrecarga da memória, causando danos e abrindo brechas para invasores.

O importante é ficar atento às atualizações da Microsoft, mas sem deixar de manter seu PSafe ‘guardando’ seu computador. Afinal sua máquina merece ser bem tratada.