rp_chaves-morte-luto_2014-12-01-16-41-35.jpg

Morte de Roberto Bolaños é utilizada para espalhar vírus

Morte do ator responsável por Chaves e Chapolin é utilizada para disseminar vírus na internet, fique atento.

A morte do comediante mexicano Roberto Gómez Bolaños, criador de seriados como “Chaves” e “Chapolin”, na última sexta-feira está sendo usada como isca para disseminar um vírus na internet. O ataque ocorre por meio de um código malicioso em links espalhados no Twitter e em outras redes sociais.

As mensagens utilizam a morte de Roberto Bolanõs e parecem a chamada para o link de um portal de notícias com mais informações. No entanto, o usuário é redirecionado para um site de anúncios ou de vendas que pode variar de acordo com a localização. Ao acessar a página, o dispositivo faz download automático de um programa malicioso.

O vírus varia de acordo com o dispositivo do usuário. No Mac, por exemplo, o arquivo ativado é um adware, responsável por inserir publicidade em sites e até mesmo em outras áreas na usabilidade do sistema operacional.

Segundo o G1 o vírus consegue, também, atacar o roteador e adivinhar a senha de segurança do dispositivo. Assim, o arquivo passa a redirecionar o usuário para sites falsos além de fazer o download de arquivos maliciosos.

A recomendação é que usuários tenham cuidado ao clicar em links reduzidos que tratem da morte do comediante, ainda mais, se a mensagem estiver em espanhol e com link reduzido. Lembrando que o PSafe Total para Windows e Mac é capaz de conter as ameaças e proteger a senha do seu roteador.