adgfafdgdgsdfgdfgdfgdfgdfg

Por que a realidade virtual necessita de redes 5G?

A realidade virtual está cada dia mais presente em nossas vidas, mas, para poder explorar todo o seu potencial, infelizmente ainda temos que esperar a chegada de redes mais velozes.

As redes 5G estão a caminho. Empresas da Ásia, Europa e América trabalham incansável e diariamente para poder oferecer a seus usuários uma rede mais rápida do que essa que usamos agora. Já temos muitos avanços nesse sentido, mas há ainda muito a aperfeiçoar. Por isso, se espera que as primeiras redes 5G de uso comercial surjam somente em 2020.

A necessidade de se ter uma conexão que supere os 300 Mbps de download oferecidos pelas atuais redes 4G tem muito a ver com o desenvolvimento de tecnologias futuras, já que são esperados 38 bilhões de dispositivos conectados no mundo para os próximos cinco anos, aumentando ainda mais a preocupação com o espaço disponível a todos na rede.

Veja também: Óculos de realidade aumentada é a melhor promessa para 2016

O crescimento do número de aparelhos é exponencial, considerando os tablets, computadores, smartphones e todos outros aparelhos inteligentes que fazem parte da internet das coisas. E, para que isso funcione bem, é absolutamente necessário contar com uma rede veloz que diminua o tempo de espera entre os comandos enviados e a resposta para menos de 5 milésimos de segundo e que suporte até 100 dispositivos por metro quadrado.

A Samsung é uma das pioneiras nesta tecnologia e já há alguns meses compartilhou um dos seus testes com o 5G em ação: conseguiram chegar a marca de 7.5 Gbps de velocidade de download.

Isso pode parecer exagero se pensarmos no download de um vídeo ou filme para o nosso celular, mas temos que lembrar que as tecnologias futuras estão muito próximas de se tornar realidade e de fazer parte do nosso cotidiano. A mais importante delas: a realidade virtual.

 

Realidade virtual

A realidade virtual já deixou de ser uma inovação, agora é tendência. Tanto que muitas marcas já apresentaram diferentes usos para esta tecnologia com impacto na educação, no entretenimento, na saúde, na segurança, na indústria automotora e em muitos outros setores. Além destes, temos o lançamento das câmaras fotográficas de uso comercial que permitem a qualquer pessoa fotografar em 360 graus e as plataformas onde é possível compartilhar e/ou consumir este tipo de conteúdo.

São esses avanços que exigem uma maior velocidade na rede, uma rede que permita a conexão de vários dispositivos fazendo download de vídeos ao mesmo tempo em alta velocidade. Que permita que se alcance a alta performance oferecida pelos dispositivos principalmente no meio empresarial, onde essa tal velocidade possa deixar de ser um luxo inalcançável e se torne uma comum realidade.