rp_dados-protecao_2014-08-21.jpg

Proteção de dados: Duas Regras que você deve seguir sempre

A PSafe Tecnologia separou duas regras que você sempre deve seguir para proteger seus dados contra o ataque de hackers e arquivos maliciosos.

Não faz muito tempo que você podia armazenar toda sua informação confidencial em um arquivo trancado com cadeado e dormir tranquilo sabendo que tudo estava seguro. Mas os tempos mudaram: agora, os hackers podem acessar remotamente o seu computador e instalar programas maliciosos que roubam ou corrompem sua informação. Estes programas são conhecidos no mundo técnico como vírus ou malware. Às vezes, parece que a única maneira de manter tudo seguro é desligar o computador. Felizmente, isso não é verdade. Embora tenha muito que aprender sobre a arte de proteger seus dados de modo e eficaz, você pode começar pelo básico com duas regras fundamentais.

Regra 1: Escolha cuidadosamente suas senhas

Alguma das suas senhas é o nome de um animal de estimação? Seu aniversário? A palavra "senha"? Se for assim, sua senha tem um alto risco de ser comprometida. Ao estabelecer senhas comuns e fáceis, toda a informação sensível que essas senhas protegem – sua conta bancária, registros médicos ou número de identidade – podem ser roubados. Uma boa senha deve ter pelo menos 8 caracteres que incluam uma mistura de letras, números e símbolos.

Aqui no PSafe Blog, já selecionamos uma série de dicas para você construir senhas seguras eficazes.

Regra 2: Faça uma cópia de segurança ou Backup de seus dados

"Fazer um backup" de seus dados é uma prática de copiar informação do disco rígido de seu computador e guardá-la em outro lugar (seja físico ou virtual). Há um série de formas de obter o armazenamento de arquivos de forma segura através de cópias de segurança. Suas opções incluem sistemas de armazenamento baseados na nuvem e discos rígidos externos. O armazenamento na nuvem permite guardar os dados de forma remota em uma plataforma de Internet de propriedade de outra empresa. Os discos rígidos externos, por outro lado, são dispositivos que são conectados ao computador para transferir cópias dos arquivos existentes.

Os céticos poderiam perguntar, "para que preciso da minha informação em dois lugares?" Se não utilizar um navegador seguro com software antivírus pré-instalado, provavelmente encontrará um vírus em algum momento da vida útil de seu computador. Respaldar seus dados assegura que se um vírus se infiltrar em seu computador e corromper seu disco rígido, ainda terá toda sua informação para ser restaurada em um disco rígido novo. Vítimas de malware que não fizeram este importante passo na proteção de dados não vão ter outra opção a não ser contratar um serviço de recuperação de disco rígido, que pode custar milhares de dólares e que não garante a recuperação total. Embora possa não parecer uma prioridade imediata, gastar um tempo para respaldar seus dados pode lhe economizar um montão de problemas lá na frente.