PSafe recebe aporte de US$ 30 milhões

A PSafe, do Grupo Xangô, recebeu uma rodada de investimento de US$ 30 milhões. A empresa chinesa de antivírus Qihoo 360 entrou com US$ 25 milhões.

Conforme informações do site Tech Crunch, o restante é oriundo dos fundos de venture capital Redpoint eVentures e Pinaccle Ventures.

A startup brasileira desenvolvedora do software antivírus pretende usar o aporte na tecnologia build-out e em estratégias de marketing.

Gratuito, atualmente o programa conta com 20 milhões de usuários mensais e o objetivo é alcançar os 100 milhões de usuários.

O fundador e CEO da Psafe, Marco de Mello, afirma que a meta principal é ganhar a confiança do mercado. Além disso, há planos para inserir no programa uma loja virtual com aplicativos e jogos.

O banco de dados da startup tem cerca de três anos e inclui 7,3 bilhões de ameaças diferentes reportadas.

Leia no Baguete!