rp_windows-atualizacoes_2014-07-02.jpg

O que você precisa saber sobre as atualizações do Windows

Mantenha seu PC mais seguro descobrindo tudo o que você precisa saber sobre as novas atualizações do Windows.

área de trabalho com atualização

Atualizar Windows é tarefa nada clara. O número de atualizações é grande, todas elas com diferente importância. Quais atualizações são necessárias, e quais deveria ignorar? Além disso, se algo sair mal com uma atualização, o que deve fazer? Hoje, vamos te ajudar e responder algumas dessas perguntas:

O papel da atualização do Windows

Windows Update é uma utilidade pré-instalada no sistema Windows, que procura especificamente as atualizações para sua equipe.. Se comprovar as atualizações do Windows uma vez ao mês, você notará uma longa lista de atualizações recomendadas, frequentemente com pouca explicação.

"Windows procura atualizações aleatoriamente cada 17 a 22 horas," explica o perito no sistema Tim Fisher. Isso é feito aleatoriamente porque Microsoft não quer milhões de computadores procurando atualizações ao mesmo tempo, ou sua rede ficará lenta. A grande pergunta é…

Todas estas atualizações são necessárias?

Pelo geral, cada atualização não é necessária para que seu computador funcione. Entretanto, frequentemente proporcionam correções de segurança que diminuirão significativamente as possibilidades do ataques de hackers e spywares. Estas correções de segurança são chamadas de "remendos" e frequentemente estão marcadas como tal no Windows Update. São geralmente pequenos arquivos que podem ser rapidamente descarregados e instalados, assim vale a pena gastar um pequeno tempo para atualizar tudo.

Mude a frequência de atualização do Windows

Você pode ajustar de forma simples a frequência com que o Windows é atualizado, para isso, acesse "Sistema e Segurança" no painel de controle, em seguida, Windows Update'. Depois, selecione 'Trocar a Configuração' à esquerda e verá uma opção para "escolher como Windows pode instalar as atualizações." Aqui, você pode escolher opções como diariamente, semanalmente ou mensalmente – para mudar a frequência em que o Windows busca por atualizações. 

O que fazer se acontecer um problema com uma atualização

Às vezes, ao fazer uma atualização do Windows ele pode apresentar bugs – como fazer cair o sistema ou não ser instalado corretamente. Para se preparar para isto, tenha certeza de que seus dados importantes estão assegurados antes de tentar qualquer atualização importante. Tenha certeza também de que ao menos o 20% de seu disco rígido está livre para qualquer espaço que necessite a atualização. Fazer uma cópia de segurança e garantir espaço no disco rígido normalmente fará que existam poucos erros.

Se o sistema cair durante uma atualização, experimente teclando Ctrl-Alt-Del para abrir o administrador de tarefas, onde possivelmente vai poder cancelar o processo de instalação. Se isso não funcionar, reinicie o equipamento pressionando o botão de resetar ou tirando temporalmente a bateria. Frequentemente, Windows se reinicia normalmente e volta à atualização. Se continuar tendo problemas, tente ligar em modo de segurança teclando F8 no ícone de início do Windows. Desde modo de segurança, também pode tentar uma restauração do sistema com as opções de recuperação do sistema, ou uma reparação de início do mesmo menu.

Utilize uma Suíte de Segurança

Se a atualização ainda não funcionar corretamente depois de reiniciar e tentar as opções de recuperação anteriores, é recomendável utilizar uma ferramenta como PSafe Total para o Windows para comprovar que nenhum spyware ou outros intrusos estão impedindo que a atualização seja instalada. Também pode utilizar esta ferramenta para liberar espaço no disco rígido, o que aumenta a probabilidade de uma instalação sem nenhum problema.

Mesmo que todas as atualizações do Windows não sejam necessárias, recomenda-se a instalação, assim seu Windows segue sendo o mais seguro possível contra possíveis ataques.