rp_geolocalizacao_2014-08-22.jpg

Uso de GPS altera relações do dia a dia nas cidades

Com o uso fácil da geolocalização, todas as possibilidades de serviços dentro da sua cidade se aproximam você! Conheça os apps famosos que usam GSP

Hoje em dia, não basta se relacionar em redes sociais com pessoas do mundo inteiro. É necessário localizar alguém perto de você, ou encontrar uma vaga no estacionamento, e até mesmo achar um motoboy próximo à sua área. Aplicativos com geolocalização facilitam não só o dia a dia nas cidades, como fortalece novas relações.

Aplicativos para estacionar

Os apps que possibilitam localização via satélite também são uma mão na roda. Literalmente! Dois bons exemplos são os ParkBuddy (iPhone) e MyCarLocator (Android). Eles ajudam àqueles que sempre esquecem onde guardaram o carro em vaga de grandes estacionamentos, como de um shopping. 

Seu funcionamento também é simples: ao estacionar o carro, o usuário faz uma espécie de check-in e, quando quiser voltar para o carro, o aplicativo mostra exatamente onde o veículo está parado. Sua dor de cabeça na hora de ir embora, e a perda de tempo ao procurar o carro, pode terminar de vez!

Aplicativo para escapar do trânsito

O Waze, por sua vez, é baseado na colaboração entre os usuários. Ele permite que as pessoas compartilhem o tráfego em tempo real e informações de estradas. Ele alerta os usuários antes de se aproximarem da polícia, de acidentes, de engarrafamentos ou qualquer que seja o perigo.

Ele também possibilita encontrar o posto de gasolina mais barato ao longo de sua rota. Mas há algumas desvantagens: você não pode marcar uma posição como "favorita" se você não tiver o endereço exato e nem sempre ele traça a melhor rota.

Aplicativo para agilizar entregas

Se o seu problema não é ficar preso no trânsito, mas sim encontrar um serviço para se livrar dos engarrafamentos com mais agilidade, a pedida é o Speedyboy, uma plataforma de logística que utiliza a geolocalização para facilitar a contratação de motoboys, tanto por consumidores quanto por empresas.

Disponível para Android e iOS, o app identifica o motoboy mais próximo do contratante, que pode acompanhar a entrega em tempo real e saber o valor final da corrida sem imprevistos.

Apps para encontrar táxi se proliferam

Mas, se sua demanda é por táxis, opções não faltam. O mais famoso aplicativo é o Easy Taxi. O app disponibiliza o taxista cadastrado mais próximo ao passageiro. As informações sobre o motorista, como modelo e placa do carro, nome, foto e telefone, são igualmente divulgadas ao passageiro.

Tem também o Taxibeat, que funciona de uma forma diferente. É o cliente quem escolhe o taxista, com base na localização do carro e nas avaliações de outros usuários sobre o condutor. Além de armazenar um histórico das corridas, ele possibilita a marcação de endereços favoritos e permite localizar um estabelecimento (parceria com o Foursquare). Depois de indicar o endereço, o aplicativo mostra todos os taxistas que estão a uma certa quilometragem de distância.

O Taxijá também é muito útil. Além de permitir selecionar a forma de pagamento, esse aplicativo dá a possibilidade de requisitar espaço extra para bagagens e acessibilidade para deficientes físicos.

Apps para paquera heterossexual

Mas, nem só de tarefas vivem as pessoas. É preciso se divertir. E aplicativos para encontrar novas amizades e romances é o que não falta. Um dos mais famosos é o Tinder. Ele localiza as pessoas que estão mais próximas do usuário, como uma espécie de "cardápio". Nele, pode-se dar "meet", ou "conhecer", se gostar da pessoa que apareceu. Se ambos se curtirem, vão para um bate-papo individual para se conhecerem melhor.

Um app bastante usado para a paquera é Highlight. Nele, você cadastra seus perfis do Facebook e Twitter e, a partir de suas preferências nessas redes, o programa emite um alerta sempre que alguém que “combine” com você estiver por perto, baseado em seus gostos pessoais.

Apps para aproximar público gay

Mas, se você quer ir mais além e, digamos, colocar mais pimenta nessas buscas, há apps ousados. O precursor deles foi o Grindr, um aplicativo voltado para gays do sexo masculino, que mostra todos os homens-que-curtem-outros-homens próximos a você.

O sucesso do Grindr foi tão grande, que o Blendr logo foi criado para que, assim como os gays, os héteros também investissem na paquera.

Depois, surgiu o Brenda, focado no público lésbico. O aplicativo já conta com dezenas de milhares de brasileiras. Ele também funciona por geolocalização, ajudando a encontrar pessoas que podem estar do seu lado.