rp_tv-4k-copa-mundo_2014-06-11.jpg

Altíssima resolução em transmissões da Copa 2014 não será para todo

Apenas três jogos utilizarão tecnologia 4k neste ano. Os aparelhos podem custar entre R$ 9 mil e R$100 mil.

Muito se falou ao longo do ano passado que a Copa do Mundo no Brasil seria transmitida por meio da imagem 4K. Mas não há muito a ser comemorado neste assunto. A transmissão de jogos em altíssima resolução só deve ganhar força durante o mundial da Rússia, em 2018. A Net e a Globosat fecharam um acordo para transmitir apenas três jogos em 2014: um das oitavas de final, em 28 de junho; outro das quartas de final, em 4 de julho; e a grande final, em 13 de julho. Todas as partidas serão disputadas no Maracanã.

A resolução 4K tem esse nome por se tratar de um arredondamento do número de pixels do painel: 3.840 pixels x 2.160 pixels. Para se ter uma ideia, é como se quatro TVs Full HD, com resolução de 1.920 pixels x 1.080 pixels formassem um único aparelho. Essa tecnologia é a aposta da indústria do setor para os próximos anos. O avanço do 4K, porém, esbarra na necessidade do desenvolvimento de compressores de sinais. Isso porque, para fazer uma transmissão em sinal aberto de 4K, cada rede de TV precisaria de duas concessões.

Outro problema para quem quer ter esta tecnologia em casa é o preço dos aparelhos de TV: os mais baratos não saem por menos de R$ 9 mil no Brasil, e os mais caros passam de R$ 100 mil. Além disso, a diferença de resolução só é perceptível em TVs grandes, acima de 50 polegadas. É exatamente por isso que elas estão sendo construídas maiores do que as Full HD, e podem chegar a até 100 polegadas.

Resolução 4k na Copa do Mundo será para poucos

Apesar de o 4K ainda não ser realidade para muitos, outras empresas estão prometendo testes durante a Copa. É o caso da Vivo, que selecionou um grupo de clientes que já possui a TV com a tecnologia para assistir aos três jogos transmitidos pela Globo.

Na internet, o 4K chegou mais rápido. A segunda temporada da série House of Cards, da Netflix, foi lançada com a tecnologia. Com conexão de 15 Mbps, a empresa desenvolveu uma compressão de dados que conseguiu espremer a uma super-resolução.

Existe também a possibilidade de que discos em Blu-ray comecem a oferecer séries e filmes em UHD. Assim, se a Fifa resolver lançar filmes ou documentários do torneio, o consumidor poderia ver imagens em 4K. Mas ainda não há uma previsão de quando o mercado lançará estes produtos.

Confira algumas TVs com 4K vendidas no Brasil:

LG 65LA9700 ULTRAHD 4K

Este modelo de TV tem 65 polegadas e custa pouco mais de R$ 17 mil. Ele reproduz imagens 3D e grava conteúdo através do recurso “Time Machine”.

Samsung S9 Timeless UHD

O aparelho de 85 polegadas sai por cerca de R$ 100 mil. Entre outras funções, ele permite que a pessoa faça até mesmo uma videoconferência em Full HD.

Sony XBR-55X905A Ultra HD

A TV de 55 polegadas da Sony custa cerca de R$ 12 mil. Seus alto falantes são grandes e têm qualidade superior a de home theaters.