rp_led-cresce-planta_2014-08-22.jpg

LED pode ser utilizado para criar alimentos no espaço

Tecnologia poderá permitir cultivar plantas no espaço

Uma equipe de pesquisadores da Universidade de Guelph, em Ontário, no Canadá, trabalha numa tecnologia LED que permitirá a astronautas produzir alimentos no espaço. O projeto ajudaria em futuras missões a Marte, garantindo que a tripulação tenha comida o suficiente para toda a viagem.

A equipe é liderada pelo professor Mike Dixon, chefe da Environment Facility Systems Research. O objetivo da unidade é testar comprimentos específicos de ondas de luz sobre várias plantas, para torná-las maiores.

A tecnologia funciona com a otimização do crescimento de plantas por meio de iluminação LED. Ela gera muitos fótons (partículas elementares mediadoras da força eletromagnética) com pouca energia, o que é importante quando os recursos são escassos. As luzes podem redirecionar ondas para desenvolver os alimentos.

O laboratório está usando alfaces como teste. O resultado, segundo os pesquisadores, é satisfatório. Eles afirmam que as folhas mostraram um bom crescimento com a iluminação. A ideia, agora, é partir para alimentos mais ricos em nutrientes, como cerejas e morangos.

Dixon acredita que a receita mágica de LED vai permitir que grande quantidade de alimentos possa ser cultivada no espaço dentro de 15 a 20 anos. Talvez o tempo necessário para que a humanidade fale em viagem tripulada a Marte, acreditam os cientistas.