rp_linguagem-de-programacao_2014-07-16.jpg

“D”: a linguagem de programação que promete revolucionar a internet

A nova linguagem de programação se chama "D". Ela promete revolucionar e criar um novo processo de programação. Confira as novidades!

A linguagem “D”, que tem a pretensão de substituir outras como Python e Matlab, surge com apoio do Facebook em ambiciosos planos de aliar velocidade e simplicidade. A promessa é revolucionar o setor.

A ideia surgiu quando dois amigos, Andrei Alexandrescu e Walter Bright, decidiram, num bar, que deveriam unir forças para facilitar a forma com que o mundo cria seus softwares.

Assim, eles resolveram unir o know-how de Bright, que na época trabalhava numa empresa de segurança digital, e um antigo projeto de Alexandrescu, o Endri. E os amigos chegaram à fórmula mágica, que acreditam ser a grande revolução do setor nos últimos tempos.

O objetivo de “D” é aliar a velocidade de C++ à facilidade de utilização das ferramentas Python ou PHP, por exemplo. Segundo Andrei Alexandrescu,  o “D” pode ser utilizado tanto no ‘back-end’, como o Facebook faz hoje, quanto no ‘front end’. Walter Bright concorda com o amigo. E afirma que essa versatilidade seria de muita utilidade para os programadores e que “D” apresenta os requisitos necessários para ser esse elo.

Do bar para o Facebook

Alexandrescu foi contratado pelo Facebook e atuará como pesquisador, apoiado por programadores. E está incorporando a linguagem “D” às grandes operações da empresa. A rede social acredita que possa usar num futuro não tão distante a linguagem, substituindo a “C++”.

Mesmo a empresa de Marck Zuckerberg não fornecendo apoio de patrocínio propriamente dito, segundo Andrei a rede social pretende utilizar a linguagem como uma arma para responder às iniciativas de seus principais concorrentes, como o Go, do Google, e a Swift, da Apple.