rp_siri-google-now-cortana_2014-06-11.jpg

Assistentes virtuais prometem simplicar a vida dos usuários

Entenda os prós e contras dos assistentes virtuais e avalie qual deles é o melhor, Google Now, Siri ou Cortana.

Os assistentes virtuais estão em smartphones e tablets com a promessa de simplificar a vida. E eles têm sido cada vez mais utilizados para auxiliar a organizar a rotina dos usuários, executando diversas funções como agendar compromissos, acesso a redes sociais, previsão do tempo, condições de trânsito, notícias e outras infinitas possibilidades.

E o que parecia improvável pode acontecer: conversar com seu smartphone! Para usar alguns recursos desses assistentes virtuais nem é preciso tocar na tela. Você pode fazer perguntas e receber respostas via comando de voz. Basta apenas falar a função desejada. Os mais conhecidos são o Google Now e a Siri, que já estão há algum tempo no mercado auxiliando o uso do Android e do iOS. Agora é a vez do Cortona, da Microsoft, com previsão de lançamento no dia 24 de junho.

Qual o melhor assistente virtual? Android?

Mas como será que estes assistentes virtuais realmente funcionam na prática? Analisamos o que há de melhor e de pior em cada um desses assistentes, mais precisamente no quesito comando de voz que é a grande novidade. Confira a seguir:

Siri

Um dos diferenciais é a boa performance para abrir aplicativos e ativar recursos do sistema como wi-fi e bluetooth com comando de voz. Porém o assistente virtual não é tão prático para acionar a função por voz. É preciso pressionar o botão home do iPhone e não é tão preciso. Outro ponto é que não tem versão em português.

Google Now

É possível ativar a função de comando por voz a qualquer momento, sem a necessidade de ter que acionar qualquer botão.  Ele também tem a versão em português. Um ponto desfavorável é que recursos como wi-fi e bluetooth não conseguem ser ativados por voz.

Cortona

As funcionalidades são semelhantes ao Google Now e também realiza diversas funções solicitadas pelo usuário, como a Siri. Só que o Cortona vai além. Ela informa automaticamente itens relacionados à experiência de uso, como resultados de jogos de futebol dos quais o usuário é fã. A desvantagem é que ainda não tem uma versão em português.