rp_criptomoeda_2014-08-13.jpg

Saiba o que é criptomoeda, para que ela serve e como utilizá-la

A criptomoeda é uma moeda digital criptografada que tem sido notícia nos últimos jornais. Entenda como ela funciona e o que você pode comprar com ela.

Criptomoeda é a moeda virtual que utiliza criptografia para mantê-lo seguro. Igual à moeda impressa que tem números de série ou listras ocultas em seu interior para evitar falsificações, a criptomoeda utiliza códigos que são muito difíceis de quebrar.

Para que serve a criptomoeda?

Como qualquer outro tipo de dinheiro, a criptomoeda é utilizada para intercambiar bens e serviços. As grandes empresas como DELL e Tesla estão começando a permitir o pagamento com Bitcoin, a maior criptomoeda no mercado. Outras empresas que aceitam Bitcoin são serviços como a plataforma de blogs WordPress e o site Soundcloud para compartilhar música.

Criptomoeda também é utilizada para transferir dinheiro em Internet sem necessidade de pagar as tarifas que cobram as instituições financeiras e bancárias.

Onde posso conseguir criptomoedas?

Você pode comprar Bitcoins no novo mercado brasileiro do Criptomoedas, ecoins, ou em qualquer um dos outros mercados. Você também pode minar sua própria, mas é arriscado.

Por que devo usar criptomoeda?

Uma vez comprado, é muito difícil de roubar e não necessita uma caixa forte de um banco para mantê-la a salvo. É privada e é segura. Não tem risco de inflação. Pode encontrar uma lista de lugares onde podem ser utilizados Bitcoins aqui.

Criptomoeda também é mais seguro que usar cartões de crédito. Recentemente, a informação de cartão de crédito foi comprometida por vírus e hackers que atacaram a grandes companhias que servem a milhões de pessoas. Usar a criptomoeda não requer preencher um formulário com todos seus dados pessoais cada vez que a usa. As Criptomoedas usam, pelo contrário, uma chave pública e uma privada.

Há uma razão pela qual não deveria usar criptomoeda?

A criptomoeda é muito nova. Não se sabe exatamente qual é seu futuro ou quão comum será em dez ou vinte anos. Estão-se realizando estudos sobre o nível de anonimato, segurança e estabilidade do Bitcoin. Já que o Bitcoin não é monitorado por nenhum único governo, também pode ser utilizado para atividades ilegais. Apesar de que há uma forma de minar suas próprias moedas em vez de comprar, esse processo é complicado e a maioria não tem a potência de cálculo para fazê-lo.