rp_cavalo-de-troia_2014-05-14.jpg

Trojan ou Cavalo de Tróia – Você sabe o que é?

Trojan ou Cavalo de Tróia é um programa que "abre" o computador para outros vírus e ameaças. Quer saber como evitar esses problemas? Confira aqui!

Como infectam seu computador

Conhecidos por normalmente responder pelo primeiro estágio de infecção de dispositivos digitais e têm como objetivo manter-se ocultos enquanto baixam e instalam ameaças mais robustas em computadores e laptops. Ao contrário dos vírus e worms, os cavalos de tróia não se propagam sozinhos, podem vir em arquivos de música, mensagens de e-mail, escondidos em downloads e sites maliciosos, que se aproveitam de vulnerabilidades do navegador utilizado para instalar a praga no aparelho.

É um programa malicioso baixado pela vítima se passando por um software legítimo, que tem como função abrir portas e brechas para a entrada de outros malwares – por isso o nome sugestivo relacionado à Guerra de Tróia. Os cavalos de tróia vêm acompanhados de backdoors e ladrões de senhas, não precisam infectar outros programas e, por isso, são de difícil detecção. São oferecidos na internet como programas úteis ao usuário, ou através de mensagens de e-mail que procuram usar da curiosidade dos internautas, levando-os a baixar anexos maliciosos.

Datam do início da Internet, finais dos anos 1980 e início dos anos 1990, e mantêm-se invisíveis para executar delitos enquanto a vítima realiza suas atividades cotidianas.

Um exemplo é o Trojan Zeus, também conhecido como Zbot, um dos trojans mais avançados e conhecidos na comunidade de segurança da informação. O vírus conta com diversas funções, além de ter seu código atualizado e vendido por crackers, podendo tornar-se mais poderoso.

Objetivos

– Acesso remoto (ou backdoors): permitem conexão remota ao equipamento infectado. 

– Registro de digitação e roubo de senhas.

– Roubo de informações do sistema.

Veja o dicionário de vírus completo.