rp_smart-tv-android_2014-07-21.jpg

Smart TVs precisam de proteção contra vírus e ataques de hackers?

Será que a capacidade de conexão da Smart TV com a internet faz com que esses aparelhos se transformem em alvo fácil para criminosos virtuais?

É comum ver aparelhos de televisão custando menos do que algumas marcas de smartphones disponíveis no mercado. A queda nos preços é uma das razões de a Smart TV estar em alta no país. Mas, será que a capacidade de conexão com a internet faz com que esses aparelhos se transformem em alvo fácil para criminosos virtuais?

A resposta é não, pelo menos por enquanto. Ainda não foi detectado nenhum arquivo malicioso que seja capaz de afetar o funcionamento de uma Smart TV ou roubar informações contidas nela.  

Especialistas esclarecem que a adesão às TVs inteligentes ainda é tão pequena que sua base de dados não interessa aos hackers até o momento. É a mesma razão pela qual as empresas de segurança digital não investem recursos na criação de um antivírus para as TVs. Como ainda não foram encontrados vírus, não se sabe ainda de qual tipo de malware se proteger.

Outra questão que dificulta o interesse dos desenvolvedores de malware é a pluralidade de softwares existentes no mercado. Cada fabricante possui um sistema operacional próprio para controlar a TV, o que, em caso de disseminação do vírus, atingiria um número pequeno de aparelhos.

Popularização do Chromecast deve mudar cenário

Mas o cenário pode mudar com a possível chegada de uma adaptação do Android para a TV. A nova tecnologia chamaria a atenção dos fabricantes e também dos criminosos. Isso massificaria o sistema operacional do Google e facilitaria a disseminação de arquivos maliciosos por aplicativos.

Apesar de ainda não haver registro de vírus com foco em Smart TV, especialistas em segurança digital acreditam que é só uma questão de tempo para que esses arquivos maliciosos apareçam.

Portanto, todo cuidado é pouco. Mantenha sua Smart TV sempre atualizada, adquira roteador blindado com protocolo de segurança WPA2, não insira dados pessoais nem clique em links desconhecidos.