rp_sites-porno_2014-08-07.jpg

Vírus de sites pornográficos atacam usuários de PCs e Android

Diversos vírus estão à solta em sites pornográficos. Um deles foi descoberto no Facebook e tenta infectar os usuários dessa rede.

Quem frequenta sites pornográficos deve ficar atento à segurança do aparelho. Diversos vírus estão à solta nessas páginas. Um deles foi descoberto recentemente no Facebook. O malware tenta infectar os usuários da rede social por meio de um vídeo no YouTube.

Para atrair a presa, um arquivo aparece na timeline do usuário em forma de um vídeo de uma mulher tirando a roupa. Quando ele é acessado, o link baixa um arquivo contaminado. Uma página é aberta na sequência, pedindo uma atualização falsa do programa Adobe Flash.  Esse vírus é chamado de Trojan.Agent.BDYV.

Ao cair na armadilha, o usuário deixa exposto seu sistema. O objetivo do vírus é roubar informações, como dados bancários, e enviá-las aos criminosos. Após contaminar um computador, o trojan atua nos navegadores Google Chrome e Firefox, tentando chamar atenção de outros usuários do Facebook, para que eles também sejam infectados.

Vírus também atinge usuários de Android

Outro vírus descoberto há pouco tempo e que atinge quem acessa conteúdos pornográficos é o Android-Trojar.Koler. O malware é baixado assim que o usuário, ao entrar no site erótico, clica para abrir um suposto player de vídeo para acesso premium. Nessa hora, um arquivo tipo APK é baixado e executado no celular. A infecção, porém, só acontece se o internauta tiver liberado a instalação de arquivos externos no aparelho. Veja mais detalhes na dica 3 deste post: http://www.psafe.com/blog/dicas-como-melhorar-android/

No momento em que o telefone é bloqueado, uma mensagem avisa que o usuário quebrou algum tipo de lei e será multado. O dinheiro cobrado é pago para que os criminosos da web restaurem as funções do telefone.

Atualmente, há 14 versões do trojan infectando milhares de aparelhos Android de usuários em 66 países. No Brasil, eles são responsáveis por enviar SMS contendo mais de três mil combinações de números para telefones de cinco dígitos.

A melhor maneira de se proteger contra ameaças é manter um bom antivírus instalado e atualizado – seja em computadores com sistema operacional Windows ou em Mac OS e, principalmente, em celulares Android –, que também ofereça segurança para navegação na Internet, bloqueando URL’s suspeitas e tentativas de Phishing e blindando as transações de compras feitas online. No Brasil e na América Latina, você pode apostar no PSafe Total que, por estar baseado na nuvem, garante segurança digital em tempo real e se mantém sempre atualizado. Basta que você execute a verificação diária para se certificar sobre a saúde do seu equipamento.