Falso cartão da Google Play é tema de novo golpe

Mais de 242 mil detecções do novo golpe já foram realizadas pelo laboratório de cibersegurança dfndr lab

“Parabéns! Você ganhou um Gift Card na Google Play”. Essa é a mensagem que circula em uma falsa promessa de cartão da Google Play com supostos créditos de R$10 a R$50 para compras na loja virtual do Google. O novo golpe foi identificado pelos especialistas em segurança do dfndr lab, laboratório de cibersegurança da PSafe, e, até o fechamento desta matéria, mais de 242 mil detecções de acessos e compartilhamentos ao link malicioso já haviam sido realizadas.

Leia mais: Chip de celular pega vírus?

Entenda o golpe do falso cartão do Google Play

O Diretor do dfndr lab, Emilio Simoni, esclarece que este tipo de golpe. que oferece brindes em troca de compartilhamentos é muito comum e costuma se disseminar rapidamente: “Na esperança de receber o brinde, a vítima precisa compartilhar o falso link com seus contatos e acaba ajudando a espalhar o golpe sem nem perceber. Dessa forma, hacker faz com que a vítima se torne um vetor do golpe”, adiciona.

Para dar mais credibilidade ao golpe do falso cartão do Google, os cibercriminosos adicionaram alguns truques à página falsa: “Para motivar a vítima a seguir espalhando o golpe, havia uma barrinha de tarefas para indicar que a missão de compartilhar o link estava cumprida e ela precisava ser completada para a vítima ter acesso ao suposto benefício. Além disso, os cibercriminosos criaram uma mensagem para justificar o pedido de compartilhamento, dizendo que essa era uma ‘verificação necessária para confirmar se o usuário é uma pessoa real e para coibir o número de fraudes’”, explica Simoni.

Veja como é a tela do golpe

Como se proteger

Para ficar protegido contra este tipo de golpe, os especialistas em segurança do dfndr lab dão algumas recomendações:

– Sempre desconfie de links de promoções recebidas através de aplicativos de mensagem, especialmente se forem enviadas por pessoas desconhecidas;

– Fique muito atento a URL (endereço do link recebido), antes de clicar. Os cibercriminosos costumam criar links bem diferentes do domínio oficial das marcas para dificultar sua localização e banimento ou com apenas uma letra trocada para tentar se passar pelo site real;

– Confirme informações no site oficial das marcas citadas no link suspeito para saber se uma notícia, promoção ou oferta de emprego é real;

– Tenha instalado em seu celular um bom antivírus. O dfndr security, antivírus gratuito para Android, possui a função Bloqueio de Hackers, que envia um alerta em tempo real sempre que um link malicioso é recebido no WhatsApp, Messenger, SMS ou navegador. Toque aqui para baixar.

Leia também: Como bloquear fake news no WhatsApp?

PUBLICIDADE

dnfdr security protege mais de 130 milhões de celulares. Baixe agora!