Alerta! Novo golpe do WhatsApp promete crédito de graça no celular

Aplicativo dfndr security realizou 1,7 milhão de bloqueios do golpe em apenas um dia e o número não para subir; veja como a falsa promoção funciona

Mais um golpe está circulando pelo WhatsApp. Desta vez, os criminosos oferecem um crédito falso de R$ 50  para o celular. Em apenas um dia, o dfndr security – único aplicativo de segurança com proteção em tempo real contra ataques no WhatsApp, Facebook e SMS – realizou 1, 7 milhão de bloqueios da falsa promoção e o número não para de subir.

Como funciona o golpe do crédito de graça

A isca é compartilhada por link, através do WhatsApp, e oferece R$ 50 de crédito. Para ganhar o bônus, no entanto, a vítima deve compartilhar o link com seus amigos e grupos no aplicativo, o que contribui para espalhar o golpe mais rapidamente.

E tem mais um armadilha para enganar a vítima: a página do link conta com comentários falsos de pessoas elogiando e recomendando a oferta.

No fim, além de não ganhar o crédito prometido, o usuário pode se levado a se cadastrar em um serviço de SMS pago, a ver uma série de anúncios ou a instalar algum aplicativo; a cada visualização, o criminoso recebe mais  dinheiro.

O que fazer se cair no golpe

Emilio Simoni, Diretor do dfndr lab – laboratório especializado em segurança digital -, explica que o primeiro passo é solicitar à operadora o cancelamento de qualquer serviço de SMS pago que o criminoso induziu a vítima a se cadastrar. Além disso, é preciso rodar um antivírus no celular para identificar se há qualquer ameaça instalada depois do acesso ao link.

Como se proteger contra golpes de WhatsApp

Para ficar protegido contra golpes como esse, é fundamental manter um antivírus no celular e que, preferencialmente, contenha uma ferramenta de anti-phishing, como o dfndr security, que bloqueia links maliciosos dentro de aplicativos de mensagem e de navegadores de internet. Para instalar, é só tocar aqui.

De acordo com  Simoni,  também é muito importante tomar cuidado ao clicar em links e desconfiar de promoções, promessas de brindes e grandes descontos que circulam pela internet.

Em caso de dúvida, basta selecionar o link e colar no espaço de Análise de Links, do site dfndr lab, para saber se um link é falso ou contém vírus.