O que é https e para que serve?

Entenda o que significa e qual a função do ‘https’ nos endereços de sites, e descubra se links com esta sigla são de fato seguros

https é uma sigla para “Hyper Text Transfer Protocol Secure” que, traduzido do inglês, quer dizer “protocolo seguro de transferência de hipertexto”. Na prática, o https em um link significa que seu computador ou celular está se comunicando, de forma criptografada, com um servidor que abriga um site. Mas será que sites https são seguros? Para entender melhor o que é https e para que serve este protocolo, quais as diferenças entre http e https e se sites https são realmente confiáveis, confira as respostas dos especialistas de segurança do dfndr lab, laboratório de cibersegurança:

Leia mais: O que é criptografia

Como o protocolo https se tornou popular?

De acordo com Emilio Simoni, Diretor do dfndr lab, antes da popularização do protocolo https, o http era o mais utilizado para conectar as máquinas. No entanto, por não contar com a criptografia em sua comunicação, o protocolo http facilitava a ação de cibercriminosos: “em conexões vulneráveis, era possível que pessoas mal intencionadas monitorassem os dados transmitidos com facilidade. Essa foi uma das causas da substituição do http pelo https”, explica Simoni.

O que é e para que serve o https?

Ainda de acordo com o Simoni, o protocolo https foi criado para adicionar uma camada de proteção à comunicação entre usuário e site, aumentando a segurança dos dados transmitidos. “O https é um protocolo de comunicação criptografada, portanto, ao acessar sites https, o visitante automaticamente criptografa sua comunicação com uma chave pública que somente o site detentor da chave privada pode decifrar. De forma simplificada, é como se você e o site conversassem através de códigos que apenas vocês dois são capazes de entender”, compara.

Sites https são seguros?

Por muito tempo, a presença da sigla https em um link foi sinônimo de site seguro, no entanto, isso está mudando. Somente em 2018, mais de 105 mil sites de golpes na internet usaram https para simular domínio seguro, alerta Simoni. “Essa é uma técnica que vem sendo cada vez mais utilizada por cibercriminosos. E o expressivo crescimento em seu uso revela que o resultados obtidos por eles são positivos. Dessa forma, é muito importante entender que não é possível manter-se seguro na internet confiando apenas em conhecimento ou senso comum. Prova disso é que o que até pouco tempo atrás era sinônimo de segurança, hoje não significa nada”, reforça o diretor do dfndr lab.

Como ficar protegido em sites http e https

Para não cair em ameaças como essa, é fundamental adotar medidas de segurança, como sempre checar se o link é verdadeiro ou não, o que pode ser feito pelo computador ou celular através de um site verificador de links suspeitos. No site do dfndr lab, é possível tanto confirmar se um site é seguro quanto submeter links suspeitos para a análise manual dos especialistas em cibersegurança. Visite: www.psafe.com/dfndr-lab/pt-br
Já pelo celular, a recomendação dos especialistas é a instalação de um bom antivírus que possa avisar automaticamente ao usuário toda vez que ele acessar ou receber um link malicioso dos seus contatos. O dfndr security – aplicativo de segurança para Android – é o único antivírus capaz de alertar e proteger, em tempo real, contra links maliciosos recebidos no WhatsApp, Messenger, SMS e Navegador. Toque no botão abaixo para instalar:

Leia também: Conheça 4 formas de turbinar o celular

PUBLICIDADE

Proteção em segundos. Instale o dfndr security.